12 de junho de 2021

Felipe Marçal

Taekwondo Blumenau

Carlos Negrão Taekwondo

Carlos Negrão Taekwondo

Grandes nomes do Taekwondo – Mestre Carlos Negrão

Carlos Negrão ou Mestre Negrão como é conhecido, começou a treinar Taekwondo em 1976, em Marília – SP com o Grão Mestre Kun Mo Bang.

Considerado o melhor técnico que o Brasil já teve em toda a sua história, Mestre Negrão começou sua carreira como técnico no início dos anos 90, quando foi convidado para dirigir a Seleção Paulista Juvenil, a qual sagrou-se tri-campeã brasileira consecutiva, Negrão ganhou várias vezes o título de melhor técnico e foi o grande modelo para os treinadores que iniciavam na época.

Em 1994 assumiu a equipe paulista adulta, levando a sua nova filosofia, conquistou 4 vezes consecutivas o título nacional – de 1994 a 1997. Em 1998, devido a problemas políticos dirigiu a seleção mineira, que não ganhava um campeonato brasileiro há mais de 10 anos, resultado; Minas ganhou o brasileiro de 1998 e Negrão conquistou seu quinto título nacional e mais uma vez a premiação de melhor técnico. Em 1999 atuou como técnico apenas da Confederação Brasileira de Taekwondo e no Brasileiro de 2000 voltou a atuar na comissão técnica de São Paulo que venceu o Brasileiro.

Em sua formação como técnico treinou com os maiores técnicos do mundo como Joo Ul Oh, Lee Son Kook, Bae Ji Yong, Kook Heong Jeong e com Ireno Fargas. Ainda escreveu para várias revistas e em 1996 lançou o seu VHS, reeditada em 1998 que vendeu mais de 20.000 cópias.

REPRESENTANDO O BRASIL

Negrão teve sua primeira atuação na seleção brasileira em 1994, no Panamericano da Costa Rica, como técnico do atleta Aurélio Ubirajara que sagrou-se vice-campeão. A partir de 1995, Negrão tomou a frente da seleção brasileira. Mudou a rotina de treinos reunindo os atletas o maior tempo possível e realizando treinos obrigatórios. Criou um grupo de treinadores unidos, entre eles: José Palermo Júnior ( Tilico ) e Lander Moreira.

Os resultados vieram de 1995 a 1997, onde o Brasil ganhou um número de medalhas sem precedentes. No entanto, a disciplina rígida imposta aos atletas não agradou a todos. Negrão desgastou-se envolvido em problemas disciplinares com atletas e políticos, com Mestres e dirigentes. A partir de 1998, os atletas da seleção brasileira voltaram a reunir-se com menos frequência e Negrão passou a dividir com outros técnicos e dirigentes a orientação da seleção. Porém, a sorte não o abandonou, foi técnico ( de 1998 até hoje ) de grandes atletas em grandes conquistas internacionais, a mais importante delas foi a conquista da vaga olímpica em Miami e sua participação nos Jogos Olímpicos.

ATLETAS TREINADOS POR NEGRÃO

Dezenas de atletas de destaque foram treinados por Mestre Negrão. Destacamos aqui alguns deles, como Carlos Costa, Márcio Eugênio, Marcos Pereira, Marcel Wenceslau, Márcio Wenceslau, André Yamaguti, Alyson Yamaguti, Belmiro Giordani, Marcos Gonçalves, Guilherme Manzoni, Sérgio Alberto, Aguinaldo Vicente, Valdir Valério, Leonildes Santos e Carmem Carolina.

Mestre Negrão dirige o Centro de Treinamento Baby Barioni, onde treinam, entre outros, os atletas Carlos Costa, Márcio Eugênio, Carmem Carolina, Marcel Wenceslau, Márcio Wenceslau, Kelly Kurahara, Karina Kurahara, Sérgio Alberto e Marcos Gonçalves (todos campeões brasileiros).

Sigam o Mestre Carlos Negrão no Instagram:
✅ @ecn.nar

Para entrar em contato comigo, mandar sugestões de vídeos, informar erros, etc.. CLIQUE AQUI e preencha o formulário.

Compartilhar:
×