21 de abril de 2024

Nathalia Dinis sobre Kombat Taekwondo: Só quero lutar e viver este momento

Nathalia Dinis é uma taekwondo brasileira que há muito tempo busca pura adrenalina além do que o Taekwondo Olímpico lhe oferece.

Com o anúncio do Kombat Taekwondo e a oportunidade de praticar um estilo de arte marcial mais exigente, bruto e bruto, Dinis inscreveu-se e no passado sábado foi uma das 16 pessoas que vão lutar na primeira noite da marca , em Bogotá, Colômbia. no dia 3 de dezembro, no Royal Center.

Dinis diz que está a fazer cerca de 12 treinos semanais. Ele se prepara no condicionamento físico, Taekwondo, boxe, kickboxing, trabalho de fortalecimento mental e complementa tudo isso com uma alimentação rigorosa para chegar às lutas na melhor forma física possível.

“Me inscrevi porque há muito tempo procuro algo diferente e o Taekwondo é minha paixão. Queria tentar o MMA porque não gosto de lutar no chão. Então, eu procurava algo que só tivesse golpes”, disse o brasileiro em entrevista ao MASTKD.

Nathalia sabe que se vencer nesta primeira noite do dia 3 de dezembro, terá automaticamente seu passe para o próximo evento com data e local a definir. É por isso que ele não se importa com quem terá que lutar. Ela é clara: não importa com quem ela esteja, para ser a melhor ela deve vencer os melhores.

“Só quero lutar e viver esse momento. O meu objetivo é lutar o máximo que puder e ser campeão da liga Kombat Taekwondo”, sublinhou Dinis.

Nathalia Dinis terá pela frente a mexicana Nitze Martin, que publicamente não aceitou o desafio por não estar na sala de reuniões virtual, mas dentro do prazo dado pela organização confirmou que quer sim estar em Bogotá.

Compartilhar:
× Como posso te ajudar?